SONETO PARA IRMA LA DOUCE

Se você vem, amiga, esteja certa:
seu beijo me fará conhecedor
do caminho da estrela, estrada aberta
aos sonhos siderais do sonhador.
Se você vem, a rua, tão deserta
verá passar o nosso oculto amor
e um verso que o silêncio desconcerta
inventarei, do jeito que ele for...
Ó minha amiga, é bom que você venha!
a noite está sem sono e um vento hostil
das alturas dos astros se despenha.
A lua, doce irmã, com o seu til
guardará nosso encontro e nossa senha
sob as altas estrelas do Estoril...