SÃO LUÍS


Seguindo Rio Anil, chega-se ao mar
após as palafitas... e clareia
o céu alto e azul, bom de se olhar
quando tocamos a Ponta d’Areia.
Ainda se vislumbra, a recortar
os braços de água que a ilha rodeia
Alcântara, uma vila a se acabar
esperando D. Pedro... aquela areia
viu casarões bizarros, inconclusos
e um pelourinho ao chão, uma infeliz
memória de homens por ali reclusos.
Dizem que a Ilha tem suas magias:
o Ville de Boulogne a São Luís
aportando, a trazer Gonçalves Dias...